Vídeo em destaque

Mensagem do Blog Povo Ameríndio para o Dia do Índio de 2009

PARA VER OS VIDEOS, CLIQUE AQUI

Download de plug-in para Firefox

FECHAR

"Mas agora ele só tem o 19 de Abril..."

Muito se fala sobre o passado, especialmente sobre o extermínio dos índios norte-americanos. E o presente, e os índios brasileiros? Este vídeo de 3min e 43s apresenta uma visão forte sobre o assunto.

Essa é uma homenagem do Blog Povo Ameríndio a todos aqueles que são nativos das américas ou seus descendentes.

Se você está usando o Firefox e não consegue assistir ao vídeo, clique aqui, faça o download do plugin e instale.


segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Uma prece Cherokee

Uma das melodias mais conhecidas dos norte-americanos, cantada até os dias de hoje, é a prece Cherokee "Deus está falando com você". Certamente o leitor já deve ter ouvido essa melodia anteriormente. Assim, transcrevemos, abaixo, a tradução daquela prece indígena, cantada na língua Cherokee, cuja tradução e adaptação encontra-se no Livro by San Etioy (http://www.lyndha.com/hxamas/cherokee.htm).



Deus está falando com você"

Um homem sussurrou: Deus fale comigo! E um rouxinol começou a cantar, mas o homem não ouviu.

Então o homem repetiu: Deus fale comigo! E um trovão ecoou nos céus, mas o homem foi incapaz de ouvir.

O Homem olhou em volta e disse: Deus deixe-me vê-lo! E uma estrela brilhou no céu, mas o homem não a notou.

O homem começou a gritar: Deus mostre-me um milagre! E uma criança nasceu, mas o homem não sentiu o pulsar da vida.

Então o homem começou a chorar e a se desesperar: Deus toque-me e deixe-me sentir que você está aqui comigo!... E uma borboleta pousou suavemente em seu ombro. O homem espantou a borboleta com a mão e desiludido continuou o seu caminho triste, sozinho e com medo.

6 comentários:

Anna disse...

Olá!
Conforme o Claudio avisou no seu orkut, finalmente deixo aqui meu primeiro comentário!
Adorei seu blog, já está nos meus favoritos rs rs..
Ao ler este texto sobre Cherokkes lembrei sobre todos aqueles "rolos" que a diretoria de Cherokee Nation (se não me engano esse é o nome) está fazendo..Você deve ter ouvido sobre desvio de dinheiro etc...É triste que as pessoas que deveriam representar esta nação maravilhosa fazem este tipo de coisa, esquecendo totalmente sobre os mandamentos e leis antigas...
Bom, para o primeiro comentário escrevi muito hein..rs rs..
Tudo de bom para você, continue assim!!!
Abraço,
Anna Orzech Kurahayashi

Caetano Mauro disse...

Anna,

Você está convidada a escrever sobre os problemas que os Cherokees estão enfrentando nos dias de hoje. O Blog Povo Ameríndio ficará orgulhoso de tê-la participando.

Obrigado pelo seu comentário.

Caetano Mauro

Lutz disse...

Parabéns pela escolha do blog e por efetivamente realizar algo que traga momentos de serenidade em sua vida.
Acho que você deve continuar invstindo nisso, pois cultura, seja ela de qualquer espécie, nunca deixará de ser bem-vinda. Não tenho grande conhecimento no assunto, mas valorizo o seu trabalho e sinto-me feliz simplesmente porque você está cumprindo parte da sua missão, que você sabe qual é.
Continue publicando seus artigos e tudo que possa enriquecer culturamente aqueles que, como nós, são fanáticos por informação e novos conhecimentos.
Aprender algo novo é fantástico! Com esse blog, temos a oportunidade de viajar por mundos desconhecidos- para alguns- e afirmar a idéia de que não somos únicos.
A evolução tecológica nos trouxe várias oportunidades, mas, de que adianta essa "integração", se o homem não consegue se relacionar com seus semelhantes, tampouco com si próprio?
Novamente, digo que o assunto referente ao blog é de uma qualidade ímpar e que as pessoas que têm discernimento, sensibilidade e respeito pelos seus semelhantes, contribuirão bastante para o sucecsso dessa nova empreitada.
Parabéns,
Lütz

Caetano Mauro disse...

Muito obrigado, Tati. É realmente muito bom saber que um trabalho tão simples pode fazer bem às pessoas. Isso é o que mais importa, não é mesmo?

O ser humano é complexo o suficiente para que nos dediquemos somente às tarefas de aprendizado de outros conhecimentos complexos.

A cultura indígena nos mostra que simplicidade é o que precisamos para nos sentirmos integrados à natureza da qual viemos e para onde iremos. Nada é verdadeiramente nosso, pois nós é que somos parte de um todo maior.

Muito obrigado pela sua participação.

Abraços,

Caetano Mauro

Fabio JS disse...

Olá! Estou muito alegre de ter encontrado este blog, estamos em um mundo onde esquecemos que Deus tem falado conosco e não ouvimos e tem nos tocado e não sentimos, como na musica Deus esta falando você.

Esperança disse...

Caro Caetano,

Estou apaixonada pelo seu espaço, conhecia esta mensagem atraves de um amigo que tambem é apaixonado pela cultura indigena. Se me aceitares, gostaria de me tornar sua mais nova e terna amiga. Você não tem idéia como fiquei comovida com essa musica, vou leva-la para meu espaço para ouvi-la todos os dias.

um abraço fraterno de luz meu novo amigo

Hospital Espiritual do Mundo